Monday, March 13, 2017

De Homens e de Deuses

Fosse o caminho de homens e deuses
Refém de um perpétuo destino
Tecido e repetido por tiranas moiras
Jamais ousariam a húbris de almejar
Dessa maldição libertarem-se

Pelo contrário
São de homens os poderes de deuses
Para expiar seus passos errantes
Nas areias do tempo
Discernir por que sitios cairam
E desejos se negaram
Revelando o que outrora lhes recusaram

No comments:

Post a Comment